2 de agosto de 2009


Estava mais angustiado que um goleiro na hora do gol.
Nem consigo mais escrever pelo email.
Nem sei o que dizer diante de sua inteligência.
Sabe, vou te contar um segredo.
Eu te acho o máximo!
Quero vazar no seu céu; pode ser no seu inferno.
Entender que tudo tem seu tempo é minha meta.
Esperar por suas promessas que se fazem nossas.
Sorrir o sorriso daqueles filmes de romance.
Meu amor é uma coisa mais profunda que um acaso pessoal.
E as músicas que recebo me fazem refletir.
Ouço cada palavra com uma delicadeza que me surpreende.
Cada verso é motivo de lágrimas.
Purificação da alma.
Porque o amor é uma coisa mais profunda do que uma transa sensual.
Ando falando em tantos amores.
Criando tantos momentos.
Chorando noites sozinho.
Relembrando nossas gargalhadas ao vento. (Lembra-se?)
Quero gozar no seu céu, pode ser no seu inferno.
Quero te fazer perder medos.
Quero esquecer dos meus.
Quero encontrar um modo de dizer que só você.
Só você.
E ninguém mais com meu amor.
Divina Comédia.

Autor desconhecido