21 de junho de 2013

"Quero o DIREITO de fumar maconha!!"

Por Liliana Locatelli


"Acredito que quem me conhece ficará surpreso com isto...Pasmem, mas é a mais pura verdade...e uso as redes sociais porque penso que o momento seja oportuno para discussões sobre mudanças na legislação brasileira! 

Depois de ter sido diagnosticada com “câncer de mama” (do qual estou livre por tempo indeterminado), passei a estudar sobre todas as possíveis terapias alternativas aplicáveis nestes casos, já que os cuidados médicos entreguei a um profissional de confiança. Descobri entre muitos estudos e opiniões que os reais contornos de tal enfermidade ainda são um mistério para a ciência, mas que cada vez mais se consolida a necessidade de um tratamento multifatorial (físico, emocional, espiritual, etc) para se obter uma maior expectativa e uma melhor qualidade de vida! 
Dentre os tratamentos que pesquisei, está o uso da maconha como coadjuvante na quimioterapia, no intuito de minimizar seus efeitos colaterais (além de outras especulações quanto aos possíveis benefícios desta planta nos efeitos da doença). Fiquei surpresa com os relatos e experiências encontrados! E me perguntei: por que não ??!! (“já que tô com o pé na cova...kk..”)
Aí está o problema meus amigos do face....não sou moralista e muito menos conservadora para dizer que não faria nada ilegal, afinal, tem algumas leis com as quais não concordo e moralmente não me abalaria em não cumprí-las (se pudesse...). Contudo, a situação aqui é mais complexa: como contribuir para o comércio de uma “droga” que acaba financiando o crime organizado e tanta violência que vemos todos os dias em nosso país ??!! Me recuso!! (ainda!!)
Muitos irão dizer: não há estudos conclusivos quanto aos benefícios e riscos desta planta!! Concordo!! Mas há estudos conclusivos quanto aos malefícios do tabaco e ele continua no mercado... Também não há estudos conclusivos quanto aos efeitos dos transgênicos na saúde e eles estão liberados... Na Europa, proibiu-se a carne com hormônios, aqui nem se cogita isso...se não faz bem para europeu, acho que também não deve fazer para mim...E o amianto, então??!!....sem comentários!
Sinceramente, não sei se gostaria de ver meus filhos fumando maconha (lícita ou ilicitamente), mas com certeza também não gostaria de vê-los fumando tabaco ou se alimentando com frango com hormônios, leite contaminado, etc... Mas, gostaria de ter o DIREITO de optar, juntamente com meu médico, pelo uso medicinal de uma planta que pode trazer benefícios para minha saúde ou para o meu bem-estar.
Talvez, se regulamentássemos o uso desta planta, para fins medicinais ou outros, reduziríamos alguns problemas relacionados ao seu comércio ilegal, para começar pela cobrança de impostos....talvez.... quem sabe....Daí, eu não teria que optar entre o que é (supostamente) benéfico para o meu corpo e o que é importante para minha consciência!!!



#LilianaAdverte:issonãoéapologiaaousodamaconha#


Obs.:Não autorizo a reprodução deste texto fragmentado (somente na íntegra)."