4 de julho de 2013

"Massificação, Anonimato, Burocracia"

"Número 16: "Massificação, Anonimato, Burocracia": aqui também não é difícil você mesmo ir tirando as conclusões. Se a pessoa é apenas um número, cria-se uma situação de anonimato, de massificação. Isso é muito comum na nossa era de predomínio de uma mídia massificante, nas mãos de poucas pessoas. O sociólogo Betinho (Herbert de Souza) costumava dizer que nós vivemos, no Brasil, um regime totalitário, pois a mídia está nas mãos de pouquíssimos (nove famílias possuem 90 por cento dos meios). Ora, são só eles que falam, a grande maioria da população se transforma em ouvintes teleguiados e manipulados. Sua famosa expressão era: "A comunicação é o termômetro da democracia: se não há democracia na comunicação (isto é, se as pessoas não podem dizer sua palavra), não há democracia numa sociedade"."

Pedrinho A. Guareschi - Sociologia Crítica, Alternativas de Mudança, 2011, p. 65.

Este trecho do livro de Guareschi fala sobre a cosmovisão do Totalitarismo e suas dimensões.

No Brasil não é o regime Totalitário, (teoricamente ao menos) mas suas dimensões encaixam perfeitamente na realidade brasileira, e essa da massificação, anonimato, burocracia é a que mais podemos notar.