9 de março de 2014

Postagem Especial - 20 anos da morte de Charles Bukowski -09/03/2014 Participação Especial: Thon Juh Melo

Tantas culpas e tantos culpados
tantas putas e tantos filhos-da-puta
Que o mundo continua girando,
e seguindo seu curso
sem ter ao menos o trabalho de fazer valer
a lei da ação e reação.
E tantas justificativas na televisão,
e não tao longe,
quantas mentiras e utopias
não sussurram docilmente no seu ouvido?!
Dias se fazem noites,
com a mesma facilidade
que noites se fazem dias.
E a única lei que predomina
é a gravidade
Com os seios cada vez menos firmes
e a pele cada vez mais flácida...
Mas, o principio da amizade...
é tão lindo e sincero
Que aquele que ora limpa seu sangue
outrora arranca-lhe as vísceras
Te levantando ou te afogando,
no extremismo do calor do sentido
de qualquer forma ainda lhe estima.
E tudo seria tão menos traumatizante
se não esperássemos a vida toda pela morte
e não matássemos tanto o plasma da vida...
A vida de uma alegria
a vida de uma tristeza
a vida de um olhar
ou de uma lágrima
E quantas vidas em uma...
E quantas mortes em vida...