10 de abril de 2014

Exercite-se e colabore com o acendimento das luzes da rua

Por Colunista

Quando se fala em energia limpa, é comum pensar em energia solar ou eólica. Faz sentido, já que essas duas formas contribuem com mais de 18% da geração total de eletricidade em todo o mundo. Mas isso não significa que outras fontes renováveis não possam ser exploradas como energia alternativa.

Já foi publicada aqui no Greenstyle uma matéria sobre uma academia que reaproveita a energia dos atletas para manter luz, som e ventiladores ligados.
O Energyme funciona de forma parecida, mas a ideia é levar as pessoas para fora das academias, onde podem contribuir para manter as luzes da rua acesas. Para isso, os designers pensaram em um sistema em que os postes de luz são alimentados pelo movimento das pessoas que se exercitam em aparelhos públicos.
A ação de puxar as barras de metal produz uma intensidade de movimento – chamada de energia cinética, que é armazenada no interior do mecanismo para ser convertida em energia elétrica e acender as luminárias. Assim, em termos mais simples, podemos dizer que o ser humano é a fonte de energia “biológica” – em termos de calorias, que pode dar origem a um sistema de eletricidade sem qualquer taxa de emissão de carbono ou poluição.
Outro ponto interessante é que os postes seriam equipados com diodos emissores de luz, conhecidos como LEDs. Comparadas às fontes de luz incandescentes, os LEDs trazem inúmeras vantagens, como vida útil mais longa e menor consumo de energia.
Uma academia ao ar livre, acessível para todos, que contribui para a redução do consumo de energia, parece uma ideia promissora. E você, o que achou?
FONTE: Greenstyle